Governo de Pernambuco anuncia plano para reabertura econômica

O Governo de Pernambuco anunciou nessa quinta-feira (28) um plano para reabertura econômica no Estado. Segundo o governo, a retomada será gradativa, em um período de 11 semanas. Os detalhes serão divulgados no final de semana.

Um estudo foi conduzido pelas Secretarias de Desenvolvimento Econômico, Planejamento e Gestão, da Fazenda, do Trabalho e Qualificação e de Desenvolvimento Urbano nos últimos dois meses.

“Sem vacina ou medicamento comprovadamente eficaz contra o Coronavírus, todos teremos que conviver com a doença. Nosso plano pesa quais atividades têm menos impacto nas curvas de contaminação e a relevância econômica de cada setor para definir o cronograma de liberação”, explica o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco Bruno Schwambach.

Ainda não foram detalhadas quais atividades serão retomadas. O plano também inclui a análise da quantidade de trabalhadores por setor e como esse retorno pode influenciar em pontos como o transporte coletivo. Segundo o governo estadual, os setores devem adotar expedientes em horários diferentes.

O diretor executivo da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Recife Fred Leal, disse, em entrevista à Rádio Jornal, que espera-se que o comércio volte a funcionar a partir da próxima semana.

De acordo com a In Loco, empresa que faz o monitoramento do isolamento social, os índices de isolamento diminuíram na última semana de lockdown.

Ne10

Pernambuco soma mais de 1 mil curados da Covid-19

Na contramão do aumento dos casos em algumas cidades do estado, o número de curados da Covid-19 em Pernambuco já ultrapassa de mil, segundo ultimo boletim divulgado pela Secretaria de Saúde. São 1.018 até o momento.

Em Bezerros o mais recente é o senhor Afonso Monteiro, de 82 anos,  ele que é hipertenso, saiu do Hospital de Campanha da cidade sob aplausos da equipe médica.

Além dele, de acordo com o boletim municipal divulgado nesta quinta-feira (21), já são 19 recuperados. Os dados mostram também que há atualmente 87 casos confirmados e 8 óbitos. Bezerros conta com o laboratório municipal e mais dois particulares que estão realizando testes para identificar a doença. Segundo Luciana Lamour, chefe da pasta da saúde, há também exames específicos direcionados aos profissionais que atuam na linha de frente.

O Sabadão – Mimimi da COVID 19

Por Sérgio Leão

Vivendo sempre em situação de risco, por não ter os direitos básicos garantidos, grande parte do povo brasileiro, vê-se agora em situação de altíssimo risco, com a chegada ao Brasil, da COVID 19, doença que assombra os quatro cantos do mundo, com milhares de pessoas perdendo as vidas, sem que a ciência consiga barrar o avanço do coronavirus, que chegou com força total. Mas o brasileiro sempre encontra um jeitinho de polemizar situações, e assim como no futebol e na política agora não está sendo diferente e grande parte dos brazukas já se tornou expert nos conhecimentos sobre a COVID 19, mas também politizou o problema de forma cômica mesmo sendo trágica. As redes sócias definitivamente se transformaram em um verdadeiro campo de batalha entre partidários do presidente Bolsonaro e petistas, uma disputa inglória que nada soma de positivo neste momento crucial par a economia do país; todos os assuntos extremamente científicos e que exigem conhecimento profundo têm servido de argumentos para os fanáticos acusarem ou defenderem seus “heróis”, num mimimi sem precedentes, ora é a cloroquina, ora é o isolamento social, ou até sobre os culpados de um problema que nasceu na China e corre o mundo velozmente deixando a mostra a fragilidade humana diante de inimigos invisíveis.

O mimimi também divide os internautas, sobre o carnaval, uns dizendo que não era, outros que era pra ter acontecido, e até alguns médicos, fazem lives e vídeos para a rede, discordando da Organização Mundial de Saúde (OMS), colocando ainda mais dúvidas nas cabecinhas desmioladas da maioria da população brasileira, que insiste em desafiar o perigo e muitos nem as simples máscaras querem usar, sob o argumento de que não há lei que obrigue ninguém a usar. Fake News invadem nossos lares através dos celulares que ficam 24h no ar diariamente, como uma arma perigosa, pois além dos que se dividem politicamente, existem milhares de oportunistas que se aproveitam da situação caótica para aplicarem diversos tipos de golpes, via internet, pegando de jeito os desavisados que por suas vezes também buscam tirar proveito próprio da situação. Nas ruas das cidades, os que desobedecem as recomendações inventam mil histórias, todas sem nenhum fundamento, outros mentem e duvidam dos números da doença e outros ficam na espreita de algo ruim para alardearem aos quatro cantos a notícia, muitas vezes aumentadas e falsas. A cada novo problema surgido, logo aparece paralelamente, este exército de brasileiros sem serventia que só fazem alimentar o mimimi da COVID 19.

Em Vitória de Santo Antão, já são mais de 50 mortes e 426 casos da Covid-19

A cidade de Vitória de Santo Antão chegou a 426 casos confirmados do novo coronavírus, de acordo com o balanço da Secretaria Municipal de Saúde divulgado nesta quinta-feira (21). Foram registradas 12 novas pessoas infectadas por covid-19, nas últimas 24h.

Do total de casos confirmados, 212 são graves e 214 leves. Há ainda 70 em investigação, entre óbitos, casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e testagem de profissionais da saúde. Até o momento, são 44 recuperados.

A letalidade (número de mortes por quantidade de casos confirmados) está em 12,9%. Novos cinco óbitos foram confirmados laboratorialmente, totalizando 55 pessoas mortas pelo vírus. As novas vitimas foram de duas idosas, de 68 e 78 anos, e três homens, de 30, 45 e 95 anos. Eles residiam nos bairros Alto José Leal, Jardim São Pedro e Redenção. Os óbitos ocorreram entre os dias 12 e 19 de maio.

Fonte: Nossa Vitória