Planejamento e doações aos poucos se torna sonho, diz Sandro Silva

Foto: André Damásio

A Associação Miriam de Amparo Social e Cultural de Bezerros, mantenedora da Rádio 104 FM (antiga Maria FM), comemora os resultados de 2017. É que mesmo diante de tanta crise enfrentada por diversos setores do país, as economias realizadas pelas transmissões e o incentivo cultural arrecadado da emissora, além de doações espontâneas, aos poucos estão dando forma ao espaço que funcionará a emissora comunitária.

Isso é resultado de planejamento e doações, o nosso presidente de honra, Diácono Manoel Paulino sempre entra em ação e consegue de forma espontânea a colaboração de muitas pessoas, mas fazer as coisas com os pés no chão e deixando de lado aqueles que tanto um dia nos criticaram, também é um bom remédio. Eu gosto de calar as pessoas com atitude e com trabalho, foi assim que meus pais me ensinaram. Disse Sandro Silva, diretor da emissora.

A Rádio 104 FM, ficará pronta para a comunidade bezerrense em 2018, essa é verdadeira expectativa. O projeto foi idealizado pela arquiteta Natália Tavares, dentre os espaços do projeto a associação preservou um amplo stúdio, além de mais um stúdio de gravação, sala de reunião, sala de direção/apoio cultural e da presidência, haverá ainda uma garagem para acomodar algumas doações e para uso da equipe principalmente a noite, além de um banheiro. É um verdadeiro sonho que aos poucos vira realidade, disse Ricardo Lima, que é diretor de programação.

Sandro Silva diretor da Rádio 104 FM

A emissora também comemora a audiência, sendo hoje a única da cidade o número de ouvintes cresceu e fomos buscar o nosso melhoramento, a prova disso é a recém chegada do programa Giro Policial que tem no seu comando o jovem talentoso Roberto Silva, mas ainda estamos buscando novos nomes, que logo será revelado, disse Sandro. 2017 tem sido especial em nossas vidas, pois o nosso maior sonho sempre foi ter nosso lugar. Isso é um ponto de grande importância pois novos caminhos iremos seguir, mas não iremos revelar porque sonho so pode ser revelado quando se conquista. Acrescentou, ele ainda se disse satisfeito com o programa que ele é mediador aos sábados e conta com os principais veículos de imprensa da cidade. “Somos um grupo sério, que não se preocupa em diminuir ninguém, por isso que todos detém outras atividades, fazemos imprensa porque gostamos, não para usufrui dela.”

 

Facebook Twitter Email