Covid-19: Quase 2,5 mil casos em Bezerros, 11 nas últimas 24h

A secretaria de Saúde de Bezerros divulgou números atualizados da Covid-19, com quase 2,5 mil casos e 11 novos nas últimas 24h.

Em relação aos vacinados, os dados apresentados destacam que cerca 2 mil pessoas foram imunizadas e 2.493 doses administradas.

>>>VACINADOS ATÉ 03/03/2021 COM PRIMEIRA DOSE – TOTAL: 1.985

*52 cuidadores
*86 idosos institucionalizados
*867 trabalhadores da saúde
*674 idosos com 85 anos ou mais
*306 idosos de 80 a 84 anos

>>>VACINADOS ATÉ 03/03/2021 COM SEGUNDA DOSE – TOTAL: 508

*39 cuidadores
*84 idosos institucionalizados
*385 trabalhadores da saúde

Programa de troca de lâmpadas chega em Bezerros

A Celpe com a parceria da Secretaria de Cidadania, está promovendo o programa “Energia com Cidadania”, com o objetivo de trocar lâmpadas incandescentes, fluorescentes e halógenas por tipos led, até 5 unidades por residência.

A Unidade Móvel da Celpe está de frente ao Cemaic, na Rua Henrique Dias e segue por lá até o dia 5, das 8h às 16h30.

Para fazer a troca é preciso:

– Levar documento de identificação;
– Ser cliente residencial ou rural-residencial;
– Ser morador de comunidade popular ou estar cadastrado na TSEE (Tarifa Social de Energia Elétrica);
– Apresentar a conta de energia do mês anterior paga;
– Não ter trocado lâmpadas em projetos da Celpe nos últimos seis anos com um limite máximo de oito lâmpadas;
– Entregar as lâmpadas incandescentes, fluorescentes ou halógenas (potência igual ou superior a 15w).

Após constatar situação precária de veículos da saúde, vereadores pedem providência

Um grupo de vereadores foi até o pátio da Secretaria de Saúde de Bezerros e constatou diversos veículos parados sem manutenção. São ambulâncias e outros veículos que deveriam estar sendo usados no transporte de pacientes na cidade e zona rural.

De acordo com a nota enviada pela assessoria da Câmara, a comitiva foi composta por Emanuel de Boas Novas, Fia, Diogo Lemos, Tatai, Claudio do Salgado, Diogo Lemos, Branco e Rogério de Encruzilhada. Ainda segundo o texto, a visita partiu após denúncias da população.
Nossa redação entrou em contato no dia de ontem com a assessoria da Prefeitura sobre o caso, mas até agora não recebeu resposta.

Governo de Pernambuco terá reunião para a compra da Sputnik V

O governador Paulo Câmara se reúne, nesta terça-feira (02.03), em Brasília, com a diretoria da farmacêutica União Química, produtora no Brasil da vacina Sputnik V, para negociar a aquisição direta do imunizante russo. A iniciativa é uma ação conjunta do Fórum de Governadores do Brasil.

O laboratório União Química protocolou na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa),  o pedido para uso emergencial no Brasil de 10 milhões de doses da vacina Sputnik V. A empresa também informou que o imunizante será produzido no Brasil nas fábricas de Brasília e Guarulhos. A vacina tem origem russa e apresentou eficácia acima de 90% contra o novo coronavírus na última etapa de testes, segundo a Rússia.
Na última terça-feira (23.02), o Supremo Tribunal Federal autorizou Estados e municípios a adquirir vacinas contra o novo coronavírus, mesmo sem a certificação da Anvisa, no caso de as doses previstas no Plano Nacional de Imunização (PNI) serem consideradas insuficientes.

NOVOS LEITOS – O Governo de Pernambuco ativou, neste final de semana, mais 20 leitos de UTI para reforçar a rede estadual de combate à Covid-19. As novas vagas foram abertas no Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa, localizado no bairro da Estância, no Recife. Com isso, a unidade soma 30 vagas para receber pacientes com sintomas ou diagnóstico do novo coronavírus. Além disso, outras 10 vagas de terapia intensiva devem ser disponibilizadas à população nos próximos dias. A expectativa é, nas próximas semanas, ofertar até 80 leitos para a Central de Regulação do Estado.
A rede estadual de saúde passou a contar também, neste final de semana, com outras duas vagas de terapia intensiva no Hospital Rui de Barros Correia, localizado em Arcoverde, no Sertão do Moxotó. A unidade conta agora com 10 leitos de UTI para pacientes com a Covid-19.