Coluna Politicando

A esperança de voltarmos o mais breve a normalidade está longe ainda. Essa semana já foi anunciada que a vacina contra o coronavírus está em avanço, mas há muito caminho pela frente a se seguir. E enquanto acontece essa dúvida no mundo inteiro as grandes cidades já anunciaram que em 2021 não haverá carnaval. E em Bezerros? Vamos politicar?

1. Sobre o carnaval dos Papangus – É muito provável que não teremos a edição da Folia dos Papangus em 2021. Rio de Janeiro, São Paulo e Salvador já anunciaram que não irão realizar. Enquanto Recife e Olinda não se manifestaram sobre o fato. A terra dos Papangus se mantém em silêncio, bom seria mesmo que nenhuma das cidades realizassem para manter todos em seguro contra o vírus.

2. Agradecimentos – O blogueiro Flávio Melo dono do site Bezerros Hoje e adepto da campanha do presidente da câmara, fez nota no seu resumo semana passada sobre nossa coluna que já acontece desde ano passado. Apesar da demora em notar a fala do “blogueiro” aqui, e mesmo sabendo de seu acompanhamento semanal registro os sinceros agradecimentos.

3. Fake News – O presidente da Câmara realizou live para dizer que é fake news a sua desistência de disputar a eleição municipal como candidato a prefeito pelo MDB. Mas não noticiou sua dificuldade de encontrar um vice disposto a emprestar seu nome para formação de sua chapa. Quem vai querer?

4. O puxador de votos – cada partido deve ter pelo menos um nome disposto a puxar os votos para cada agremiação partidária. É que com o fim da coligação, toda expectativa fica voltada para os pré candidatos a vereadores que devem ser os nomes mais fortes nas projeções proporcionais das eleições municipais desse ano. Vamos avaliar alguns deles?

5. O nome do PSB – Organizado como o maior partido da cidade, a conjuntura política dos Socialista gira em torno de ser o partido com maior cadeira representada desse ano. Apesar da eleição passada ter eleito Didiu da Laranja como sendo o mais votado, e deve repetir uma excelente votação. Uma das grandes apostas tem sido Diogo Lemos filho do ex-prefeito Samuel Domingos, ele tem reunidos grandes lideranças que o apoia nessa postulação.

6. O nome do PSD – O partido é um dos mais organizado e unidos. Detém possibilidade de surpreender em números de eleitos e com ampla condição de ser a surpresa das eleições 2020. Nele a presença de Manoel de Boas Novas e Valmir Neto, garante a certeza que terá grandes êxito na eleição. Aliás o nome de Valmir Neto, filho de Neto de Valmir no qual é um grande articulador, remete o sucesso garantido de seu filho.

7. O nome do DEM – O partido aposta no voto de legenda e na qualidade de discurso entre os candidatos, semanalmente o grupo se reúne virtualmente para elaborar um plano de campanha entre os pré candidatos. O DEM detém nomes fortes mas uma das principais apostas é Eduardo, além de Irandir Laurentino é Bala (ambos), família da pré candidata a prefeita.

8. O nome do Solidariedade – também se apresenta como parte surpresa das eleições. É um partido que reuniu suplentes de vereadores e gente que reúne o mesmo índice de votos. O nome mais forte deve ser o de Levi de SAPUCARANA, este tem tirado o sono do vereador do Distrito. Que já está sentindo seu mandato ir pelo ralo.

9. O nome do MDB – Os pré candidatos a vereadores não tem seguido o modelo adotado pela sua maior liderança que é apenas o de atacar. Particularmente aposto em dois nomes que fazem parte desse partido: o do Jovem Nathan filho de Edmir e o do vereador Cláudio do Salgado. Embora Respeite os demais, a matemática partidária ver os outros como impossibilidade de chegar.

10. Em que as enquetes pelo Instagram ajudam?- um dos principais objetivos de cumprimento da Democracia é o segredo do voto. É cada vez mais corriqueiro o uso de perfis não identificados com enquetes, lembre-se que apenas o dono da conta no Instagram é quem tem acesso às escolhas. Portanto a você pré candidato, é interessante saber quem vota em você? Pense nisso!

Bônus – Luciele Laurentino utilizou sua página para utilizar a rastegue “não eleja bandido”. Houve repercussão nos bastidores sobre para quem a pré candidata teria escrito a referida frase.

Os partidos não citados terão uma avaliação na próxima semana. Relembro que a coluna é opinitiva e não é dona da verdade. Portanto, o campo não é de discussão e sua opinião será respeitada. Desde que não se utilize de Fake News, prática de alguns pré candidatos. Até a próxima semana!!!

Facebook Twitter Email