LULA TEME POSSÍVEL ATENTADO CONTRA SUA VIDA DURANTE CAMPANHA ELEITORAL

O ex-presidente Lula (PT) disse há pouco a uma rádio da Paraíba que se preocupa em ser alvo de uma possível tentativa de assassinato por grupos bolsonaristas. Ele respondia a apresentadora que lembrou que o ex-ministro do STF Joaquim Barbosa disse em fevereiro ao UOL que não duvidava da possibilidade de grupos radicalizados ligados a figura de Jair Bolsonaro (PL) tentarem assassinar o petista durante a corrida eleitoral deste ano.

Lula atacou Bolsonaro e relacionou o presidente a milicianos que, “quem sabe”, segundo ele, teriam tido relação com o assassinato da vereadora Marielle Franco em 2018. No fim da resposta, o ex-presidente reconhece que tem preocupação com a possibilidade de atentados e diz ainda que o “povo brasileiro vai dar um golpe nesse país e vai restabelecer a democracia”.

“Então eu tenho preocupação, eu tenho preocupação [com uma possível tentativa de assassinato], mas como eu sou uma pessoa de muita fé, de muita crença, eu sinceramente acho que o vai acontecer é que o povo brasileiro vai dar um golpe nesse país e vai restabelecer a democracia”, declarou o petista.

Blog do Edmar Lyra

Facebook Twitter Email