Ministro do Supremo anula condenação de Lula

Na tarde desta segunda-feira (8), o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), anulou todas as condenações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pela Justiça Federal no Paraná. As anulações estão relacionadas às investigações da Operação Lava Jato.

A partir da decisão do SFT, Lula recupera seus direitos políticos e volta a ser elegível. Fachin alega na decisão que houve incompetência da Justiça Federal do Paraná com relação aos casos do triplex do Guarujá, do sítio de Atibaia e das doações ao Instituto Lula.

O ministro afirma que a 3ª Vara Federal de Curitiba não era o “juiz natural” dos casos julgados. “Embora a questão da competência já tenha sido suscitada indiretamente, é a primeira vez que o argumento reúne condições processuais de ser examinado, diante do aprofundamento e aperfeiçoamento da matéria pelo Supremo Tribunal Federal”, diz o texto da decisão.
JC on-line
Facebook Twitter Email