O Sabadão – As praias do Brasil ensolaradas e infectadas

Por Sérgio Leão

Após a irresponsável liberação de bares e restaurantes pelas autoridades sanitárias deste país, agora são as praias do brasil que recebem milhões de banhistas e farristas todos os finais de semanas e feriadões, causando um verdadeiro reboliço diante da inércia mental das autoridades que comandam as decisões que são tomadas de forma totalmente sem lógica, sob o pretexto de que as pessoas terão que obedecer os protocolos do Ministério da Saúde, que nem ministro tem. Ora, quem será que tem tantas caraminholas na cabeça, a ponto de achar que uma população como a nossa vai seguir regras nem protocolos? O povo brasileiro já é conhecido mundialmente como um povo que idolatra e segue os piores ladrões do planeta Terra, além de se conformarem com migalhas e viverem sob a batuta do analfabetismo, sendo assim de fácil controle por parte dos canalhas que tangem boiadas com milhões de reses de duas pernas que se comportam como muares, mesmo falando ao invés de zurrarem.

A invasão ilimitada das lindas e ensolarada praias do Brasil, desde que liberaram a população, é um caminho perfeito para uma infecção em massa das pessoas em situação de vulnerabilidade, mesmo os que estão em suas casas , mas veem seus filhos , saírem para os locais com aglomerações imensas, como no litoral  tupiniquim, e voltarem pra casa bêbados ou simplesmente infectados pelo coronavirus,  mesmo sem apresentarem sintomas, os famosos assintomáticos que estão sendo responsáveis pela transmissão da morte, para os pobres inocente idosos e doentes, que ficam em casa mas nem imaginam que os seus entes queridos trarão a morte para eles sem remorso. Fora esta tenebrosa situação de desamor por parte dos farristas e banhistas, ainda estão sendo deixadas toneladas de lixo na orla brasileira o que certamente causará também a morte de milhares de vidas marinhas. Entrementes isto pudesse ser revertido, entretanto ninguém em sã consciência pode achar que a caterva brasileira vai mudar, a não ser quando chegar a hora de cada um dos nossos banhistas que transformaram as lindas praias ensolaradas em um verdadeiro ponto de infecção e morte para os que ainda estão seguindo as regras da quarentena!

Facebook Twitter Email